O(A) FILHO(A) DO PORTUGUÊS ESTÁ VIVO(A)?